Caldeiras e Vasos de Pressão

Objetivo:

Aperfeiçoamento e reciclagem de operadores de caldeiras, operadores de processos de operações unitárias, operadores de processos de derivados de petróleo e outros profissionais que executam serviços de manutenção de caldeiras e vasos de pressão, independente do segmento, tais como: Perfumes (estética), alimentos, mineração, siderurgia, fundição, cimento, naval, metal mecânico, energia elétrica e outras

Indicado:

Como processo de conscientização profissional, tendo como foco principal, explanação da cadeia produtiva da engenharia multidisciplinar necessária na construção de Caldeiras e Vasos de pressão com a abordagem das Normas Técnicas de fabricação, servindo como complemento para melhor entendimento da NR 13, no quesito, Engenharia de Integridade do Equipamento. Exposição, detalhamento e comentários, desde o processo de extração da matéria-prima (mundo mineral), beneficiamento, siderurgia, fundição, laminação, controle de qualidade de fabricação, ao processo de degeneração do equipamento, envolvendo, fenômenos físicos, químicos, mecânicos, metalúrgicos, corrosão química, oxidação, automação e sensibilidade dos instrumentos que controlam as variáveis do processo.

Carga horária: 20/40/60 horas (combinar)
Horário: diurno/noturno
Recursos Utilizados: Quadro branco, exposição técnica, apostila, áudio visual e estudos de casos.
Local: In company (curso fechado)


Conteúdo Programático


Revisão de conceitos:


1- O principio do desenvolvimento tecnológico e a evolução da humanidade.
1.1- O progresso paulatino da conscientização intelectual do homem intuitivo, o racional, o universal, o tecnocrata, conforto da humanidade, pedagogia politica educacional XXI.
1.2- A contribuição das ciências puras: Matemática, química, física na formação multidisciplinar das tecnologias do mundo contemporâneo.
2- Matérias primas: Conceitos, desenvolvimento e aplicação dos minérios (ferro, cobre, alumínio, bronze).
3- Processo de fabricação: Aços, ferros fundidos, alumínio, cobre, bronze, zinco, ligas especiais e normatização. “Laminação, fundição, forja, trefilação, extrusão, estampagem”.
4- Propriedades mecânicas e ensaios destrutivos:
Resistência mecânica, dureza, tenacidade, elasticidade, plasticidade, resiliência, ductibilidade e respectivos ensaios: tração, compressão, torção, cisalhamento, embutimento, dureza, fluência, fadiga mecânica e fadiga térmica, outros.
5- Ensaios Não destrutivos: Visual, Líquido Penetrante, Partículas Magnéticas, ultrassom, radiografia, gamagrafia, metalografia de campo (réplica metalográfica), comentários: Emissão acústica, fibroscopia, endoscopia, holliday detector.
6- Tratamentos térmicos e termoquímicos: Recozimento, normalização, tempera, revenido, austêmpera, martêmpera, esferoidização, cementação, nitretação, carbo-nitretação, tempera por indução, fornos a vácuo.
7- Tubos, válvulas e conexões: Especificação, classificação, manuseio e conceitos das suas aplicações industriais.
8- Caldeiras flamotubulares, aquotubulares e vasos de pressão: Especificações, classificações e aplicações industriais.
9- Soldabilidade dos aços carbonos, aços inoxidáveis, materiais ferrosos e não ferrosos. PETROBRAS – N 133 – Interpretação e estudos de casos, soldagem dos aos carbonos, aços carbono molibdênio, aços cromo molibdênio, aços níquel, aços inoxidáveis austeníticos, soldagem heterogênea aços carbonos x aços inoxidáveis.
10- Terceirização de mão de obra, paradas técnicas e os riscos da terceirização da engenharia multidisciplinar.
11- Interpretação da Norma NR 13 - Segurança, operação e engenharia da integridade de caldeiras e vasos de pressão.

Palestrante:

José Carlos de Souza. Natural de Araçatuba – São Paulo/SP – 1954 - 56 anos.

Empresário, Consultor Técnico Internacional, Inspetor de Equipamentos PETROBRÁS, Inspetor de Soldagem CWI/USA, Inspetor de Soldagem Nível II FBTS, com 42 anos de experiência (mecânica pesada), fabricação, manutenção e montagens industriais de equipamentos mecânicos e eletromecânicos, estáticos, dinâmicos e híbridos. Autor dos livros: Soldagem de Manutenção Industrial – livro didático. Book de Soldagem de Manutenção – estudos de casos. Livro Recuperação diferenciada de passivos ambientais de processos de mineração com autossustentabilidade. Projeto Xanadú – Book Construções de cidades inteligentes. Book Gerador de energia elétrica pelo método UPH – Unidade de Propulsão Hidráulica. Autor de patentes de tecnologia de soldagem: Recuperação de materiais temperados – Moldes, Matrizes e sistemas de engrenagens. Recuperação de materiais normalizados: Sistemas de engrenagens e cilindros rotativos com dispensa do TTATS – Tratamento Térmico de Alívio de Tensão de soldagem – CVRD Espelho do munhão do moinho de bolas. Recuperação de Cabeçotes e pistões de navios marcas Sulzer Freres, Man&BW e Boomaster, entre diversos outros serviços de soldagem de manutenção especializada.